Trabalhar como freelancer em Portugal: Guia completo

Joao Marcos

Trabalhar como freelancer pode ser uma montanha-russa de emoções, em Portugal como em qualquer lugar do mundo. Apesar de não haver nenhum modelo que funcione para toda a gente, neste artigo vai conhecer algumas dicas que facilitam os primeiros passos como freelancer e a gestão do seu dia-a-dia.

Será também apresentado à Conta Wise, sem custos de manutenção, que lhe permite receber pagamentos de clientes de vários países como se fosse um local.

Conta Empresarial Wise:
Receba pagamentos de todo o mundo 🌏

Abrir atividade nas finanças: qual o melhor enquadramento e que impostos esperar?

As formalidades para começar a trabalhar como freelancer em Portugal são relativamente simples e o processo pode ser tratado através do Portal das Finanças ou numa repartição das Finanças ou Loja do Cidadão.

Empresário em nome individual vs Outras formas de empresa

Grande parte dos freelancers começam a sua atividade como Trabalhadores Independentes ou Empresários em Nome Individual (em termos legais são equiparados). É a tipologia mais simples para começar e praticamente não tem custos de implementação.

Ao abrir atividade nas finanças como Empresário em Nome Individual, define a sua área ou áreas de atuação e pode começar a emitir faturas com o seu número de contribuinte pessoal. Os ENIs não têm obrigação de ter contabilidade organizada nem capital social definido. Não existe separação entre o património pessoal e profissional.

Se pretende montar uma estrutura mais complexa, que isole de forma eficaz a sua atividade profissional e limite a sua responsabilidade legal em caso de litígio, deve considerar constituir uma Sociedade Unipessoal por Quotas ou um Estabelecimento Individual de Responsabilidade Limitada.

Os impostos do freelancer

No caso de abrir atividade como Empresário em Nome Individual e estar enquadrado no regime simplificado vai ter de pagar:

  • IRS
  • Segurança Social
  • IVA (poderá estar isento se a faturação for inferior a 12 500€/ano)

Se estiver no regime simplificado e só vender serviços, as finanças vão assumir, na maioria dos casos, que 75% da sua faturação são rendimentos e o restante despesas. Deve sempre tentar reter parte da sua faturação, mesmo que não esteja obrigado pelas finanças a fazer retenção na fonte, porque o IRS a pagar no final do ano vai incidir sobre a totalidade dos seus rendimentos.¹

Durante os 12 primeiros meses de atividade o pagamento das prestações de segurança social é facultativo.²

conta-multimoeda-wise Receba pagamentos do mundo todo em sua conta multimoeda Wise.

Como conseguir clientes?

Atividade aberta, material de trabalho reunido, agora só faltam os clientes. Mas como conseguir os primeiros clientes? Confira as dicas abaixo.

Sites de trabalho freelancer

Os sites de trabalho para freelancer em Portugal podem ser um bom ponto de partida porque aqui encontra trabalhos específicos aos quais se pode candidatar.

Boa parte destes sites usam um sistema de créditos, adquiridos de forma gratuita ou paga. É através destes créditos que freelancers e agências se podem candidatar aos diferentes trabalhos anunciados.

Duas das principais plataformas deste género com foco no mercado português são:

  • Zaask
  • Fixando

Existem também inúmeros sites, grupos e fóruns dedicados a áreas profissionais específicas.

A nível internacional existem ainda mais sites do género, tanto generalistas como de nicho. Consulte abaixo alguns dos mais populares:

  • Upwork
  • Guru
  • Fiverr
  • Freelancer.com

Autopromoção: por onde começar?

A presença digital assume cada vez mais importância e se vende serviços pela internet é muito difícil passar sem ela. Ter o seu perfil atualizado no LinkedIn é sempre um bom primeiro passo.

Depois pode olhar para os serviços que quer promover e para os formatos de comunicação onde se sente mais à vontade (texto, áudio, vídeo, etc.). A fórmula vencedora está quase sempre no cruzamento entre aquilo que quer promover e o formato e canal de distribuição que funcionam melhor para si. A partir das redes sociais ou de um site próprio há muitas abordagens diferentes que pode testar.

No caso de querer trabalhar com negócios locais, geograficamente próximos entre si, uma visita pessoal conjugada com outras estratégias de proximidade também é algo que deve considerar.

Leia também: Conta Empresa: confira as melhores opções em Portugal

Recomendações

Receber clientes por recomendação de terceiros é a forma mais eficiente de angariar clientes: por norma norma estes clientes geram menos atrito e estão mais predispostos a aceitar o seu orçamento

Com o passar do tempo e a acumulação de clientes satisfeitos, o número de recomendações tende a crescer.

Retenção de clientes: o pilar para a estabilidade

Tão ou mais importante do que ganhar clientes é mantê-los. São os clientes recorrentes que vão dar estabilidade ao seu negócio. Estes clientes também estão mais propensos a recomendá-lo.

Encontrar um modelo de trabalho que encoraje relações duradouras pode fazer toda a diferença.

Organização e estrutura: como manter o equilíbrio a trabalhar como freelancer?

Manter o equilíbrio pessoal e financeiro é um dos grandes desafio dos freelancers. Veja abaixo como pode potenciar esse equilíbrio.

Espaço de trabalho

Ter um espaço de trabalho dedicado ajuda a manter o foco. Mas isso nem sempre é possível e muita gente sente-se mais produtiva a trabalhar a partir de diferentes locais.

O importante é ter a clareza para perceber quais os fatores decisivos para desenvolver bem o seu trabalho, bem como o tipo de local que não funciona para si.

trabalhar-como-freelancer

Horários

Criar uma rotina de trabalho pode fazer maravilhas pelo equilíbrio entre a sua vida pessoal e profissional, que muitas vezes sofre com os ritmos desregulados do trabalho freelancer.

Com o tempo e a experiência vai-se tornando cada vez mais fácil gerir tarefas e aproveitar a flexibilidade do trabalho independente (no início é normal que seja precisa alguma persistência para encontrar o ritmo certo).

Comunicação com o cliente

Seja tão claro quanto possível ao comunicar com o seu cliente. E não hesite em fazer perguntas sempre que houver algum ponto importante que não está claro.

Preço, prazos e serviços incluídos são os tópicos em que não convém haver qualquer tipo de ambiguidade.

Orçamento

Grande parte dos freelancers apresentam orçamentos nivelados por baixo, quando estão a começar. Muitas vezes porque subestimam o tempo necessário para efetuar o que é pedido, bem como os custos escondidos por detrás do seu próprio trabalho.

Não se esqueça que, como freelancer, os custos com impostos, segurança social, material de trabalho e formação estão todos do seu lado. Tenha isso em conta ao fazer um orçamento.

Clarificar o momento de pagamento

É crucial decidir atempadamente em que momento quer receber o pagamento. Total ou parcialmente adiantado, faseado ou no final do trabalho?

Defina o momento que se adequa ao seu negócio e lembre-se de tomar precauções extra com os clientes com os quais nunca trabalhou.

Contrato de prestação de serviços

Os contratos de prestação de serviços são uma das formas de se proteger da volatilidade do trabalho freelancer. Muitos clientes também gostam deste tipo de contrato porque trazem clareza à relação.

Este contrato é útil para definir por escrito os fatores críticos que mencionámos acima: preço, prazos e serviços incluídos.

Conta Wise: a melhor opção para freelancers

wise-business

A onta empresa da Wise é especialmente adequada a freelancers porque não tem comissão de manutenção nem qualquer tipo de custos fixos e permite receber pagamentos de clientes de vários países.

Como esta conta dá acesso a detalhes de conta em 10 moedas, pode receber pagamentos de clientes da União Europeia, Estados Unidos, Reino Unido, entre outros, como se fosse um local.

Pode abrir a sua conta online para passar a receber e gerir mais de 50 moedas numa só conta, beneficiando do suporte remoto e eficiente da Wise.

Wise

As vantagens da conta empresa da Wise:

Abra sua conta internacional aqui 💰


Vantagens e desvantagens de trabalhar como freelancer

Trabalhar como freelancer pode ser altamente recompensador, mas também pode tornar-se um pesadelo.

Tente fazer algum planeamento antes de dar o salto e não se esqueça que não tem que ser tudo ou nada: é possível conjugar rendimentos de trabalho por conta de outrem com os rendimentos provenientes do seu trabalho independente.

As principais vantagens de trabalhar como freelancer são a:

  • Flexibilidade (laboral e financeira);
  • Autonomia nas suas decisões profissionais;
  • Satisfação de fazer algo em nome próprio.

Mas algumas destas vantagens, nomeadamente a flexibilidade, têm também o seu lado negativo:

  • Incerteza a longo prazo;
  • Perda de algumas regalias do trabalho por conta de outrem (como o subsídio de refeição, o subsídio de natal e as férias pagas);
  • Ter de gerir tudo sozinho (ou encontrar alguém que possa ajudar).
Leia também: Bancos em Portugal: confira as melhores opções do país em 2021

Fontes:
  1. Códigos Tributários - CIRS Artigo 31º: Regime simplificado
  2. Código dos Regimes Contributivos do Sistema Previdencial de Segurança Social

Fontes verificadas pela última vez em 23 de agosto de 2021.


Consulte os termos de uso e a disponibilidade de produtos para a sua região ou visite tarifas da Wise e preços para obter os preços mais atualizados e informações sobre tarifas.

Esta publicação é fornecida para fins de informação geral e não constitui aconselhamento jurídico, tributário ou outro aconselhamento profissional da Wise Payments Limited ou de suas subsidiárias e afiliadas, e não se destina a substituir a obtenção de aconselhamento de um consultor financeiro ou de qualquer outro profissional

Não fornecemos nenhuma declaração, garantia ou aval, expresso ou implícito, de que o conteúdo da publicação esteja preciso, completo ou atualizado.

Dinheiro sem fronteiras

Saiba mais

Dicas, notícias e atualizações no seu país