Morar na Espanha: tudo o que você precisa saber

Joao Marcos

A Espanha é um dos melhores países da Europa para brasileiros. As principais razões são: clima com estações bem definidas e um verão quente, segurança e um dos melhores sistemas de saúde do mundo.

Leia este artigo para saber como é viver na Espanha e como ir morar lá. Também conheça a conta multimoeda da Wise para gerir seus euros no país.

Wise: Leia mais

Morar na Espanha: o que é preciso

Para ficar mais de seis meses no país da paella, é necessário tirar um visto que autoriza a morar na Espanha. Existem cinco maneiras de como morar legalmente na Espanha:

  • Como estudante
  • Com visto de trabalho
  • Com visto de empreendedor
  • Com residência não lucrativa (ex.: aposentados)
  • Com dupla cidadania (europeia)

Como turistas, brasileiros só podem ficar por 90 dias na Europa, sendo esse tempo a soma da estadia em um ou vários países do Espaço Schengen.

Se você está em dúvida entre morar em Portugal ou Espanha, veja como morar em Portugal para saber qual é o melhor lugar para você e sua família.

Planejamento financeiro para conseguir morar na Espanha

Seja qual for o motivo da sua mudança - mesmo se tem nacionalidade europeia - precisa comprovar para as autoridades espanholas que consegue se manter no país. E pode fazer de duas maneiras:

  • Através de comprovantes de rendimento (no caso de trabalhadores por conta própria, investidores, aposentados e estudantes)

  • Com uma promessa de contrato de trabalho

A exigência dessa confirmação de meios de subsistência é para confirmar que você tem reserva de dinheiro suficiente para arcar com eventuais gastos extras nos primeiros meses no país.

Como morar na Espanha com cidadania italiana

Cidadão italianos e aqueles com cidadania portuguesa ou de qualquer outro país que faça parte do espaço de livre circulação europeu Schengen, podem viver na Espanha. Basta retirar na própria Espanha o Certificado de Registro de Ciudadano de la Unión, um documento padrão para cidadão de outros países europeus¹.

Esse documento, também chamado de certificado UE, é essencial. Pois sem ele não é possível tirar o NIE (Número de Identidad de Extranjero)

Como morar na Espanha como aposentado (ou com renda fixa)

Aposentados (e não aposentados com renda fixa) podem ir morar na Espanha através do visto de residência não lucrativa. O requisito principal é ter (e comprovar) renda mensal acima de 2.150€ e um adicional acima de 530€ para sustentar cada familiar que vá morar com você através dessa via.

As pessoas com esse tipo de visto não podem ter nenhum vínculo de estudo ou de trabalho com a Espanha.

Morar em Alicante ou viver em Málaga, no sul da Espanha, são excelentes opções para brasileiros aposentados. São cidades de praia, com custos de vida moderados, clima agradável durante o ano todo e claro, com ótima qualidade de vida.

Se ainda não está cem por cento seguro se viver na Espanha é o que você quer, aproveitar a aposentadoria em Portugal pode ser uma alternativa para quem busca um clima ameno, muitos dias de sol e um baixo custo de vida. Existe um acordo que permite a brasileiros transferir a aposentadoria para Portugal.

Como é morar na Espanha? Vale a pena?

Viver na Espanha é ter acesso a boa qualidade de vida, de segurança, a um sistema de saúde de excelência e ao ensino de qualidade (público e privado). O país tem desde regiões de praias até as mais frias e montanhosas como Serra Nevada, onde se pode esquiar no inverno.

A Espanha é um reino até hoje, formado pela união de regiões autônomas com influências históricas, culturais e linguísticas muito diferentes. Desde os povos árabes que viveram no Sul até os celtas da Galícia até a influência que os romanos deixaram pelo território. Por isso, possui uma riqueza gastronômica e arquitetônica (cada região tem suas características próprias e distintas umas das outras) e são 7 os idiomas falados do país - sendo o castelhano (espanhol), o catalão e o galego os com maior número de falantes!

Como a rede de transporte é muito completa, é fácil e acessível viajar pelo país, um dos bons motivos pelo qual vale a pena morar na Espanha.

Melhores cidades da Espanha para morar

Em todas as cidades espanholas você encontra qualidade de vida. Mas existem alguns lugares onde morar na Espanha é melhor para estrangeiros (incluindo brasileiros). Segundo o Expat City Ranking de 2020, elaborado através de um estudo extenso pela maior comunidade de expatriados, a InterNations, quatro cidades espanholas estão entre as dez melhores do mundo para viver².

Veja quais são as melhores cidades para morar na Espanha:

  1. Valencia
  2. Alicante
  3. Malaga
  4. Madrid
  5. Barcelona
  6. Toledo
  7. Granada
  8. Sevilha

Morar em uma cidade espanhola que tem tudo a ver com você é um sonho realizado, certo? Bem, mas se não houver muitas opções de emprego, por exemplo, pode acabar por não ser a melhor cidade para morar na Espanha. Por isso, antes de bater o martelo definitivamente, tenha em conta também como está o mercado de trabalho nas cidades que você está cotando para chamar de lar.

Cidade na Espanha que paga para morar: é verdade?

Ponga, uma cidade com menos de 700 habitantes, na Espanha criou um plano para evitar o fim da população local em 2004. O projeto ofereceria 3.000€ para casais que se instalassem na cidade, assim como mais da mesma quantia para um filho menor desse casal. A exigência seria que a família vivesse pelo menos por cinco anos em Ponga.

Vários canais e sites de notícia da Espanha, do Brasil e de outros países divulgaram erroneamente a notícia sobre o incentivo. Porém, o projeto nunca saiu do papel.

Quanto custa morar na Espanha

O custo de vida na Espanha varia bastante. Como na maioria dos países, nas cidades grandes como Barcelona e a capital, Madri, os preços de custos fixos como aluguel, água, luz e alguns serviços como restaurantes, por exemplo, costumam ser mais altos. Apartamentos de um quarto nessas cidades chegam a valer o mesmo que o salário mínimo mínimo da Espanha em 2020, que é de 950€ (muito pouco para uma pessoa conseguir se sustentar numa grande cidade espanhola).

Morar em outras cidades torna-se a alternativa para quem ganha o salário mínimo e quer viver bem (sem muitos luxos). Uma das vantagens de morar na Espanha é que nas cidades menores, e também nas regiões mais isoladas, se pode encontrar escolas e hospitais de qualidade, atividades culturais, museus, bons restaurantes e etc. A desvantagens de morar em cidades menores é que as ofertas de emprego também são mais escassas.

Ainda sobre os salários na Espanha, muitas empresas espanholas pagam o décimo quarto salário. Existem então dois salários extras: um no verão e outro no período do Natal.

Vai morar na Espanha? Planeje suas finanças 💰

A moeda oficial da Espanha é o euro, por isso é importante se atentar as diversas formas de economizar com a conversão quando estiver preparando sua mudança. Você sabia que pode economizar muito se usar a Wise?

Wise vs Bancos: poupe nas taxas e burocracias

O problema, ao trocar a moeda ou enviar remessas, é que as instituições financeiras irão lhe cobrar custos ocultos na taxa de câmbio comercial, além da tarifa pelo serviço, IOF e taxas Swift. Entenda o que pode fazer com a Wise:

Abra sua conta gratuita 💰

Há trabalho para brasileiros na Espanha?

Um brasileiro legalizado pode conseguir emprego na Espanha em qualquer cargo que ele atenda os requisitos. Tenha em conta que recém-chegados não conseguem logo o primeiro trabalho na sua área. Porém, quem tem formação superior ou especializada e fala outro idioma, não tem problemas para conseguir trabalhar na Espanha.

O setor que mais emprega brasileiros na Espanha é o do turismo. Os empregos com em alta demanda são os relacionados a Tecnologias da Informação (TI), engenharias e serviços marítimos, como também eletricistas, mecânicos e soldadores³.

Cidadania espanhola por residência: quando pode pedir?

Nacionais de países ibero-americanos (Portugal e América Latina, incluindo o Brasil) precisam de menos tempo para adquirirem a nacionalidade espanhola por tempo de residência no país. Brasileiros podem pedir a cidadania espanhola depois de dois anos morando legalmente na Espanha⁴. A partir daí, desfrutando de todos os direitos de cidadãos espanhóis, tudo fica mais fácil.

Fontes usadas neste artigo

  1. Site do governo da Espanha - Certificado UE (ES)
  2. InterNations - Ranking das melhores cidades em 2020
  3. Jornal Las Províncias - Profissionais buscados em Espanha (ES)
  4. Site da embaixada da Espanha no Brasil - Aquisição de nacionalidade

Fontes checadas pela última vez em 11 de Janeiro de 2021.


Consulte os termos de uso e a disponibilidade de produtos para a sua região ou visite tarifas da Wise e preços para obter os preços mais atualizados e informações sobre tarifas.

Esta publicação é fornecida para fins de informação geral e não constitui aconselhamento jurídico, tributário ou outro aconselhamento profissional da Wise Payments Limited ou de suas subsidiárias e afiliadas, e não se destina a substituir a obtenção de aconselhamento de um consultor financeiro ou de qualquer outro profissional

Não fornecemos nenhuma declaração, garantia ou aval, expresso ou implícito, de que o conteúdo da publicação esteja preciso, completo ou atualizado.

Dinheiro sem fronteiras

Saiba mais

Dicas, novidades e atualizações para a sua região