Como fazer trabalho voluntário no exterior: guia completo

Fernando Figueiredo
30.12.20
Leitura de 5 minutos

Você tem interesse em ajudar um projeto social no exterior e ter uma experiência internacional? Leia este artigo para descobrir como ser voluntário fora do Brasil e como funcionam alguns programas de voluntariado internacional.

Você também vai conhecer a Wise, para economizar dinheiro nas transferências e em pagamentos durante seu programa de voluntariado no exterior.

Junte-se à Wise e economize

Tipos de trabalho voluntário no exterior

Existem inúmeras oportunidades de voluntariado pelo mundo afora, para todos os gostos, aptidões e também profissões. Conheça as principais:

  1. Colaborar com iniciativas ambientais
  2. Trabalho voluntário com animais (reabilitação, tratamento de doenças, resgate)
  3. Construção de casas para famílias de baixa renda (após catástrofes naturais ou não)
  4. Ensinar habilidades (línguas, gestão financeira, técnicas manuais e etc)
  5. Trabalhar com empoderamento feminino
  6. Acolhimento de refugiados
  7. Auxiliar pessoas com deficiências ou idosos
  8. Ajudar no cuidado de doentes (não especialista)
  9. Ser médico ou enfermeiro em hospitais e postos médicos (para especialistas)
  10. Dar aula de esportes e atividades físicas
  11. Trabalhar em oficinas recreativas e artísticas
  12. Ensinar música
  13. Trabalhar em fazendas auxiliando agricultores
  14. Trabalhar em hotéis, albergues e escolas em troca de estadia

Há muitos benefícios em fazer trabalho voluntário no exterior, tanto para o enriquecimento pessoal quanto para o desenvolvimento de carreira. Além disso, muitas empresas valorizam esse tipo de experiência em processos seletivos.

Algumas pessoas buscam programas de voluntariado com a intenção principal de conseguir viajar mais barato ou aprender uma língua (o chamado turismo voluntário ou “volunturismo”). Se essa for a sua intenção, procure por um intercâmbio voluntário para mochileiros, como os disponíveis no site WorldPackers. Nele há vários programas de trabalho voluntário na África, por exemplo, que são voltados a quem quer se envolver com a realidade local sem participar diretamente de um projeto social.

O que é preciso para conseguir trabalho voluntário fora do Brasil?

Normalmente, a vontade, algum dinheiro para os custos da viagem e falar inglês são o suficiente. E claro, documentos de viagem, de vacinas e vistos.

Alguns tipos de programa de voluntariado exigem formação ou um tempo de experiência na área. Como programas para especialistas em saneamento, construtores, médicos e etc.

Ser dentista voluntário no exterior, por exemplo, é uma ocupação bastante comum de trabalho voluntário em vários países.

Programas de voluntariado no exterior

Esses são alguns dos principais sites de associações e ONGs de voluntariado internacional:

A maioria dos sites possuem guias que ajudam na escolha de onde trabalhar como voluntário. Em alguns deles é possível comparar os programas, inclusive para ver quais são os mais baratos.

Seja cauteloso na busca de um projeto social e escolha aquele com o qual você realmente se identifica. Pois, infelizmente, existem negligências por parte de organizações que promovem intercâmbio voluntário¹, assim como projetos de fachada que aplicam golpes.

Tem trabalho voluntário no exterior com ajuda de custo?

Sim, pois há instituições e ONGs que oferecem trabalho voluntário no exterior com ajudas de custo para visto, viagem, estadia, providenciando também algumas outras regalias para voluntários. No entanto, faça sempre o plano contando arcar com alguns custos.

E trabalho voluntário no exterior com tudo pago?

Um trabalho voluntário não pode ser assalariado. Pode haver ajuda de custo, mas tudo pago será mais difícil: tenha cuidado com programas que parecem “bons demais para ser verdade”, pois podem ser golpes. Se você está procurando um trabalho voluntário no exterior gratuito, se informe bem sobre os programas.

Trabalho voluntário na ONU

A Organização das Nações Unidas (ONU) possui dois programas de voluntário, aberto para brasileiros e candidatos do mundo inteiro. Mas atenção, para se inscrever é necessário saber falar uma das línguas oficiais da ONU (Inglês, Francês ou Espanhol).

International UN Youth Volunteers
Aberto a jovens a partir dos 18 até os 29 anos (durante a participação no projeto), destina voluntários a escritórios da ONU, de instituições parceiras ou de governos, e a missões em comunidades em diversos lugares do mundo. As principais áreas de atuação são:

  • Direitos Humanos
  • Adaptação às mudanças climáticas
  • Cuidados primários de saúde
  • Gestão de desastres
  • Promoção da paz

A duração das missões variam de 6 a 24 meses (dois anos). Mas existem algumas missões de curto prazo (três a seis meses) para estudantes universitários.

Os Jovens Voluntários da ONU recebem uma ajuda de custo para viver de forma saudável e segura na área designada. Essa ajuda pode ser paga pela própria ONU ou pela agência anfitriã do projeto social.

As vagas do programa são divulgadas no site oficial da UN Youth Volunteers.

Paid Volunteering Opportunity at the UN
Funciona de maneira semelhante ao UN Youth Volunteers e para as mesmas áreas de atuação, mas é voltado para pessoas acima dos 25 anos, tenham formação superior e não estejam aposentadas. É possível ser voluntário da ONU por até 4 anos².

O auxílio de custo mensal cobre as despesas básicas com alimentação e estadia. Mas existem outros abonos que o voluntário recebe:

  • Seguro de vida, saúde e invalidez permanente
  • Custos de viagem relacionadas ao serviço
  • Passagem de retorno ao país de origem
  • Subsídio de férias (baseado no período do voluntariado)

Você é recém graduado ou está cursando um mestrado (ou doutorado) e quer uma experiência com foco no desenvolvimento de carreira? A ONU também possui programas de estágios (todos relacionados a áreas políticas e diplomáticas) que vão dos dois aos seis meses de duração.

Trabalho voluntário no exterior com a Cruz Vermelha

A Cruz Vermelha não possui programa internacional de voluntariado. O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), contrata profissionais para trabalho humanitário tanto em sua sede na Suíça como em uma Sociedade da Cruz Vermelha de qualquer país (ex.: Cruz Vermelha Brasileira). Esses funcionários são atribuídos a cargos e recebem salários.

Funcionários com vínculo laboral com a CICV têm de dispor de mais de doze meses para trabalhar em cada missão e não podem ser acompanhados pelas suas famílias no primeiro ano de contrato³.

Brasileiros podem trabalhar como funcionários locais da Cruz Vermelha Brasileira (contratados pela Suíça) ou mesmo na CICV em Genebra.

O Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho conta com voluntários do mundo inteiro, sendo a maior organização humanitária existente. Mas por atuar em áreas de conflito armado e em situações de emergência, inclusive no Brasil, pode não ser a primeira opção ideal de trabalho voluntário.

Por que fazer voluntariado?

Antes de se aventurar em um trabalho voluntário no exterior, é importante esclarecer o que é ser voluntário: é utilizar suas aptidões e possível situação social vantajosa em prol de outras pessoas, sem intenção de lucro financeiro. Já o voluntariado é a atividade que atende a um interesse social específico. Geralmente, o voluntariado busca por justiça e igualdade social através de diversos tipos de projetos.

A internet conta muitas histórias de pessoas que tiveram experiências que mudaram suas formas de encarar a vida, ao permitir ajudar outras pessoas e ter impacto direto nas vidas delas. Também em termos profissionais pode vir a ser importante, já que muitas empresas dão valor para a proatividade das pessoas em ajudar outros e em resolver problemas da sociedade.

Precisa enviar dinheiro para o exterior? Economize: use a Wise

Com a Wise, você poupa até 8 vezes em relação aos bancos. Você pode enviar dinheiro da sua conta bancária brasileira para uma conta bancária no exterior de forma rápida e econômica.

💰 Mais barato que os bancos: economize e evite as taxas ocultas no câmbio e os custos extras
🔍 Transparênte: Saiba os valores exatos de quanto paga e quanto chega no destino, sem surpresas
Rápido: Faça isso de forma rápida e simples no app da Wise

Faça uma simulação de envio


Fontes:

  1. The Intercept Brasil: casos de negligência em intercâmbios voluntários
  2. Site da ONU: Condições do programa de voluntariado (em inglês)
  3. Site do Comitê Internacional da Cruz Vermelha em português: trabalhar para o CICV

Esta publicação foi redigida com o intuito de fornecer informações gerais, sem a pretensão de abranger todos os aspetos do tema em questão. Ela não se destina a fornecer orientação financeira. Você deverá procurar aconselhamento profissional e/ou especializado antes de tomar qualquer ação baseada no conteúdo deste artigo. A informação da publicação não constitui parecer legal, fiscal ou de qualquer outra índole profissional por parte da TransferWise Ltda e seus parceiros. Resultados anteriores não garantem efeitos similares no futuro. Não garantimos de forma explícita ou implícita que o conteúdo da publicação esteja preciso, completo ou atualizado.

Wise é o jeito novo e inteligente de enviar dinheiro para o exterior.

Saiba mais

Dicas, novidades e atualizações para a sua região